Como Viver Em Abundância (Inspiração Episódio 13)

Fiquei surpreendido quando descobri que é possível para qualquer pessoa viver em abundância mesmo tendo pouco dinheiro

A vida abundante é uma vida em que realmente não sentimos falta de nada. Sentimos que temos tudo o que precisamos para sermos felizes.

Artigo Relacionado: Como Ser Feliz Independentemente das Circunstâncias (Inspiração Episódio 8)

Esse estado consegue-se… não importa o tamanho da tua conta bancária, não importa a quantidade de coisas que tu tens à tua volta, não importam as pessoas que conheces, o quanto é que te sentes realizado.
Isso não importa muito. O que importa é o estado de gratidão.

Estarmos gratos por aquilo que temos, pelas pessoas que somos, pelas pessoas que foram colocadas à nossa volta para nos desafiarem e nos fazerem progredir. Estarmos agradecidos, é o primeiro passo da abundância.

Artigo Relacionado: Porque é Tão Importante a Gratidão?

Depois, estar insatisfeito. A insatisfação também é uma boa coisa: viver insatisfeito.

Clica no Play para veres o vídeo ou lê a transcrição

Viver em abundância significa, por um lado viver grato, e por outro viver insatisfeito. Parece um paradoxo mas não é.

Estarmos agradecidos por aquilo que nós somos, temos, pelas pessoas que foram colocadas à nossa volta, pelo nosso processo, pelo nosso percurso mental, espiritual, emocional é espetacular. Reside aí a verdadeira abundância.

Mas ao mesmo tempo estarmos insatisfeitos: querer fazer mais coisas, viver mais experiências e melhores experiências, melhorar a todos os níveis, a nível mental, emocional, espiritual, ter um impacto cada vez mais positivo nas pessoas à nossa volta, viver um processo de crescimento. Isto tudo também faz parte da abundância.

Artigo Relacionado: Como Desenvolver-se Física, Mental, Emocional e Espiritualmente

A abundância não é um estado, a abundância é um processo.

Comecei a perceber isso, há muitos anos atrás. Ia levar a minha filha à escola, a Rute, e ela, pequenina, tinha 6 anos ou 7, disse-me uma coisa que nunca mais esqueci.

Naquela altura nós vivíamos com muitas dificuldades, muitíssimas dificuldades, num apartamento e numa luta tremenda, tremenda, sem dinheiro quase para nada.

Eu estava a levá-la à escola, no carro e ela disse-me assim:

“- Ó papá, nós somos ricos de tudo, menos de dinheiro.”

Eu eu achei aquilo, por um lado incrível, a ideia que aquela criança de 7 anos tinha sobre o que era riqueza, e por outro lado senti… eu não sabia que a minha filha sentia também a falta de dinheiro.


post_middle

Eu tinha uma vida familiar feliz mas não tinha uma vida pessoal feliz. Não vivia em abundância porque a minha vida rodava à volta do dinheiro.

Então, o segundo passo para a abundância eu aprendi, sendo o primeiro a gratidão, o segundo é viver emocionalmente desligado do dinheiro.

Artigo Relacionado: A Vida Não Presta Vivendo Emocionalmente Agarrados ao Dinheiro

Que tenhas o suficiente para fazeres aquilo que tu sabes que tens de fazer, para teres as experiências que precisas ter, para proporcionares a vida que sabes que precisas proporcionar às pessoas à tua volta e para teres o impacto que tu sabes que precisas ter no mundo e viver desapegado emocionalmente do dinheiro.

O dinheiro é uma ferramenta de abundância muito grande e acho que todos deveríamos ter o suficiente para não termos de pensar muito nele.

Imagina o importante que é para mim! Eu dediquei a minha vida a isso: a viver dessa forma e a ensinar outras pessoas a viverem dessa forma.

O Terceiro passo é o trabalho feito pessoalmente: o progresso.

Todos os dias ouvir os áudios, todos os dias ler livros, todos os dias contactar com pessoas positivas, pessoas que nos podem ajudar, escolher as nossas influências e viver esse processo de abundância… esse progresso de abundância.

A abundância é uma escolha, não é algo que nos seja imposto ou sequer que consigamos realizar. É uma escolha diária.

Esta é a minha experiência e, se te posso dar uma dica ou um conselho em relação a isto, são estas 3 coisas:

1- Vive em gratidão
2- Ganha o suficiente para não teres de pensar no dinheiro ou seja: desliga-te emocionalmente do dinheiro, independentemente da quantidade de dinheiro que possas ou não ter.
3- Vive em progresso constante, em luta constante, em aprendizagem constante. Isso faz parte da abundância também.

É tudo por hoje, obrigado por estares aí.

Estamos muito felizes porque temos um evento dentro de poucos dias e eu já estou lá. A minha cabeça já está lá, o meu coração já está ali.

O amor que sinto pela equipa com que trabalho é gigante e mal posso esperar para os encontrar a todos.

 

 

 


Gostaste deste artigo? Estes também te vão interessar!
>> Os 4 Degraus da Escassez à Abundância
>> O Que Somos Hoje e o Nosso Passado Não Determinam o Nosso Futuro
>> Como Atingir Sucesso Pessoal e nas Organizações, e Criar uma Vida Abundante: Visão, Missão, Valores e outras coisas
>> 12 Lições Sobre a Vida Dadas Por Alguém que Viu 12 Mil Pessoas a Morrer
>> Tem de Ser Possível Viver da Nossa Paixão. Tem de Ser Possível!

Gostarias de Receber os Meus Artigos?

Se Gostaste Deste Artigo Podes Receber os Novos Artigos Diretamente na Tua Caixa de Correio!Subscreve para Receberes:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.